Para curiosos…

Coisas Interessantes, bom eu acho…

10 sintomas da gripe suína – H1N1

1. Febre

2. Tosse

3. Diarréia

4. Cansaço

5. Diarréia

6. Vômito

7. Fluxo nasal interrompido

8. Irritação nos olhos

9. Dores musculares

10. Mal estar

18/07/2009 Posted by | Saúde & bem estar | , , , | Deixe um comentário

As 10 maiores empresas do mundo em faturamento de 2009

A tradicional  revista Fortune publica as maiores empresas do mundo todos os anos pra que o mundo possa acompanhar qual o melhor lugar para se  trabalhar e também o principal mercado.  É claro que a lista é amplamente dominada por empresas internacionais, salvo algumas empresas de outros cantos do mundo, como é o caso do Brasil.  A maior empresa do Brasil (segundo a lista) é a Petrobras (34 no ranking geral) seguida pelo Bradesco (148), Itaú (149), Banco do Brasil (174), Companhia Vale do Rio Doce (205) e Metalúrgica Nacional (400). Confira as 10 primeiras da lista.

1º. Royal Dutch Shell
Páis: Holanda
Ramo: Petróleo
Faturamento: US$ 458,3 bilhões
Lucro: US$ 26,2 bilhões

2º. Exxon Mobil
País: EUA
Ramo: Petróleo
Faturamento: US$ 442,8 bilhões
Lucro: US$ 45,2 bilhões

3º. Wal-Mart Stores
País: EUA
Ramo: Varejo
Faturamento: US$ 405,6 bilhões
Lucro: US$ 13,4 bilhões

4º. BP
País: Grã-Bretanha
Ramo: Petróleo
Faturamento: US$ 367 bilhões
Lucro: US$ 21,1 bilhões

5º. Chevron
País: EUA
Ramo: Petróleo
Faturamento: US$ 263,1 bilhões
Lucro: US$ 23,9 bilhões

6º. Total
País: França
Ramo: Petróleo
Faturamento: US$ 234,6 bilhões
Lucro: US$ 15,5 bilhões

7º. ConocoPhillips
País: EUA
Ramo: Petróleo
Faturamento: US$ 230,7 bilhões
Lucro:

8º. ING Group
País: Holanda
Ramo: Financeiro
Faturamento: US$ 226,5 bilhões
Lucro: – US$ 16,9 bilhões

9º. Sinopec
País: China
Ramo: Petróleo
Faturamento:  207,8 bilhões
Lucro: US$ 1,9 bilhões

10º.  Toyota Motor
País: Japão
Ramo: Automotivo
Faturamento: US$ 204,3 bilhões
Lucro: – US$ 4,3 bilhões

Fonte: Fortune

18/07/2009 Posted by | Negócios/Finanças | | Deixe um comentário

O Galo Esperto

O fazendeiro resolve trocar o seu velho
galo por outro que desse conta das
inúmeras galinhas que tinha.

Ao chegar o novo galo, e percebendo
que perderia suas funções, o velho
galo foi conversar com o seu
substituto:

– Olha, eu sei que já estou velho e é por
isso que meu dono o trouxe aqui; mas
será que você poderia deixar pelo
menos duas galinhas para mim?

– Que é isso, velhote?
Vou ficar com todas, meu chapa.

– Mas só duas… – ainda insistiu o galo.
– Não! Já disse! São todas minhas!

– Então vamos fazer o seguinte – propõe
o galo velho – apostamos uma corrida
em volta do galinheiro. Se eu ganhar,
fico com pelo menos duas galinhas.
Se eu perder, são todas suas.

O galo jovem mede o galo velho de
cima abaixo e pensa que certamente
ele não será capaz de vencê-lo:
– Tudo bem, velhote, eu aceito.

– E olhe, já que realmente minhas chances
são poucas, deixe-me ficar vinte passos
à frente. Pode ser? – pediu o velho galo.

O mais jovem pensou por uns instantes
e aceitou as condições.

Iniciada a corrida, o galo jovem dispara
para alcançar o outro galo.

O galo velho faz um esforço danado para
manter a vantagem, mas rapidamente
está sendo alcançado pelo mais jovem.

No momento em que o mais velho ia ser
alcançado pelo mais novo, o fazendeiro
pega sua espingarda e atira sem
piedade no galo jovem.

Guardando a arma, comenta com
a mulher:

– Num tô intendendo, uai! Já é o quinto
galo veado que a gente compra
este meis!

MORAL DA HISTÓRIA

Nunca subestime a sabedoria dos mais velhos.

(Autor desconhecido)

10/07/2009 Posted by | Piadas inteligentes | | Deixe um comentário

Pagando o “Aluguel”

Um homem conheceu uma bela garota e ficou tão impressionado que, de tanto insistir, acabou convencendo-a a passar a noite com ele por quinhentos reais.

No final da noitada, no momento de pagá-la, o homem percebeu que estava sem o talão de cheques.

No entanto, combinou de enviar o dinheiro sem falta no dia seguinte.

A moça não ficou muito satisfeita, mas aceitou, por não ter outra opção.

No dia seguinte, quando o homem se preparava para preencher o cheque, começou a pensar que, afinal, a noite nem tinha sido assim tão maravilhosa…

Decidiu, então, que pagaria só duzentos e cinqüenta reais.

Como não queria dar bandeira, pediu à secretária para entregar um envelope com o cheque, para a tal garota, dizendo referir-se ao pagamento de um aluguel.

Dentro do envelope, junto com o cheque, ia o seguinte bilhete:

– Prezada senhora, estou encaminhando R$250,00 referentes ao pagamento do aluguel do seu apartamento. Não estou enviando a quantia previamente combinada, pelos seguintes motivos:

1º: Quando assinei o contrato, imaginei que seria o primeiro a ocupar o imóvel, o que verifiquei não ser o caso;

2º: Verifiquei também que o apartamento não possui o sistema de aquecimento que imaginava ter;

3º: O referido imóvel também se mostrou excessivamente amplo para meu gosto, não proporcionando a sensação de aconchego que eu esperava.

Assim sendo, envio a quantia que julgo ser a mais justa.

A moça recebeu o bilhete, e
mandou a seguinte resposta:

– Prezado senhor:

Quanto aos motivos alegados para o não pagamento do valor combinado pelo meu imóvel, tenho a declarar o seguinte:

1 – Em relação ao primeiro item, foi muita ingenuidade da sua parte imaginar que um imóvel tão bom fosse ficar desocupado por muito tempo, esperando por alguém como o senhor para ocupá-lo…

2 – Quanto ao segundo item, o apartamento possui aquecimento, sim… O senhor é que não soube ligá-lo…

3 – E finalmente, se sua mobília é pequena para preencher o espaço disponível, não culpe a proprietária…

(autor desconhecido).

10/07/2009 Posted by | Piadas inteligentes | | Deixe um comentário

Amigo esperto

Dois casais estão jogando baralho. De repente, João deixa cair umas cartas no chão. Quando ele se dobra para baixo da mesa para pegar as cartas, ele nota que a mulher do Pedro não está usando calcinha.

Embaraçado, João bate a cabeça na mesa e se levanta com um certo rubor nas faces. Mais tarde, João vai à cozinha para pegar uma cerveja – e a mulher de Pedro o segue.
Ela pergunta:
– Você viu algo interessante debaixo da mesa?
João admite que sim, e ela continua:
– Pode ser seu, por 500 reais!

João pensa um minuto, e diz que está interessado. Eles combinam se encontrar às 14hs da sexta-feira seguinte, quando o Pedro estará no escritório, e o João de folga.

Na sexta-feira João vai a casa do Pedro e, depois de uma sessão de sexo como fazia tempo que ele não tinha, ele paga a mulher os 500 reais combinados.

Às 6 da tarde Pedro chega em casa esbravejando e gritando com a mulher:
– O João esteve aqui agora de tarde?

Relutantemente, a mulher dele responde que sim.
– E ele lhe pagou os 500 reais?

“Meu Deus! Ele sabe!” pensa ela. E finalmente diz: – Sim, ele pagou.

– Ahhhh!!! Que alívio !!!!! – desabafa Pedro. – Ele foi no meu escritório hoje e me pediu emprestado 500 reais, dizendo que me devolveria hoje a tarde ao passar aqui em casa…. Me dá logo aqui meus 500 reais !!!!

10/07/2009 Posted by | Piadas inteligentes | , , | Deixe um comentário

Narval ou Unicórnio-do-mar (Monodon monoceros)

Narval

Narval

O narval, uma baleia também conhecida como unicórnio-do-mar, estaria em risco de desaparecer, indicou um estudo publicado.
O narval é conhecido cientificamente como  Monodon monoceros. Os machos da espécie apresentam um dente incisivo esquerdo
espiralado de até 3 m de comprimento.
Segundo a AP, a relação publicada na revista Ecological Applications colocou o narval em primeiro lugar entre os animais
marinhos do Ártico que sofrem riscos de extinção com as mudanças climáticas.

O Narval tem coloração meio acinzentada, não tem a nadadeira dorsal dos golfinhos mede 4,5m e pesa 1,5 tonelada.
A presa do macho do narval é fonte de marfim de valor comercial e constitui um atrativo à caça da espécie. Cerca
de um macho em 500 tem duas presas em vez de uma. Isso pode custar a extinção do animal já que a espécie, hoje,
está mais ameaçada de extinção do que o urso polar.
Para o animal, é uma fonte sensorial excepcional.
Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Harvard descobriu, em testes, que 10 milhões de terminações nervosas
saem do centro da presa em direção à sua superfície, em contato com o mundo exterior. Os cientistas dizem que os
nervos são capazes de detectar mudanças sutis de temperatura, pressão, gradientes de partículas e provavelmente
muito mais, dando ao animal uma percepção única. Como eles têm o costume de erguer as presas no ar, os cientistas
imaginam que elas poderiam servir como estações meteorológicas sofisticadas, permitindo que os bichos farejem mudanças
de temperatura e pressão ligadas à chegada de frentes frias e ao congelamento de canais em meio ao gelo.

10/07/2009 Posted by | "bichos" Estranhos | , , | Deixe um comentário

Turu, Teredo ou bicho do pau…

Tronco com Turus

Tronco com Turus

O turu é um molusco que vive em árvores em estado de putrefação, ou podres, em locais como a Amazônia e a Ilha de Marajó. São como os caranguejos dos mangues de Pernambuco: vivem apenas em troncos apodrecidos e é preciso se enfiar na lama para apanhá-los. Outros peixes exóticos, como o tralhoto (ou quatrolho), podem ser encontrados no mangue amazônico.
O molusco é apanhado diretamente do tronco:  Os ribeirinhos cortam os troncos podres e os turus saem para a superfície. Assemelham-se a macarrões do tipo spaguetti ou a minhocas de maior porte. Ou, se você não sentir nojo, parece-se mesmo é com uma lombriga branca e leitosa. Assim que a moradia do turu é devassada, o molusco morre. Mas certamente o são, pois chamam a atenção pelos prejuízos que podem causar perfurando o casco de embarcações. São como cupins de madeira molhada.

Fora os estragos que pode causar, o turu é um alimento e tanto. Além de ser apreciado como afrodisíaco, de novo como a ostra – não descobri qual substância referenda a fama-, ele é riquíssimo em cálcio, talvez porque tenha que secretar esta substância para “cimentar” o túnel calcário onde se aloja. Só para se ter uma idéia, a ostra tem 6 mg de cálcio/100 g ante 153 mg do turu. O leite, melhor fonte deste mineral, tem 113 mg por 100 g.  Sem falar no ferro. Apesar de branquinho como leite, nunca vi alimento algum com tal quantidade de ferro – 55 mg por 100 g (o fígado de boi cozido tem 6,29 mg/100 g). Se a tabela está certa e me pareceu fonte segura, que botem turu na merenda escolar para acabar com a anemia infantil. É claro, tem que estudar biodisponibilidade e tal, mas, num primeiro momento, o dado é convidativo. E quer mais? Baixíssimo valor calórico e quase nada de gordura. Idéia para aqueles cardápios do tipo “perca 7 quilos em uma semana” com turu!

30/06/2009 Posted by | "bichos" Estranhos | , , | Deixe um comentário

História de Walt Disney

História de Walt Disney

Walter Elias Disney (5 de Dezembro de 1901, Chicago — 15 de Dezembro de 1966, Los Angeles) foi um cineasta, produtor estadunidense de desenhos animados e animador. Tornou-se conhecido, nas décadas de 1920 e 1930, por seus personagens de desenho animado, como Mickey e Pato Donald. Ele também foi o criador do parque temático sediado nos Estados Unidos chamado Disneylândia, além de ser o fundador da corporação de entretenimento, conhecida como a Walt Disney Company.

O lema de Disney sempre foi “Keep moving forward” (“Continue seguindo em frente”, traduzido para o português).

Infância e juventude

Walt Disney nasceu no dia 5 de dezembro de 1901, em Chicago, nos Estados Unidos. Passou a maior parte de sua infância numa fazenda em Marceline, no Missouri. Foi um período muito difícil para o menino, devido aos castigos impostos pelo pai, Elias Disney (1859-1941), homem bastante severo. Depois de descobrir que não tinha uma certidão de nascimento, alimentou a idéia de que era filho adotivo. Esse fato iria influenciar algumas de suas atitudes posteriormente.

Aos 16 anos, começou a estudar arte. Como não havia atingido a maioridade, foi-lhe recusada permissão quando procurou alistar-se no Exército durante a Primeira Guerra Mundial. Conjuntamente com um amigo, decidiu então juntar-se à Cruz Vermelha. Pouco tempo depois, foi enviado para França, onde passou um ano a dirigir ambulâncias da Cruz Vermelha.

De volta aos Estados Unidos, matriculou-se na “Kansas City Arts School”. Foi iniciado na Ordem DeMolay, a qual freqüentou por muitos anos.

Em seguida, trabalhou em algumas agências publicitárias. A seguir, entrou para uma companhia cinematográfica, na qual ajudava a fazer os cartazes de propaganda dos filmes.

Walt Disney também pertenceu ao Movimento Escoteiro.

Carreira

Com o irmão Roy e o amigo Ub Iwerks, criou a pequena produtora “Laugh-O-Gram”, que animava contos de fadas. Esses desenhos animados eram exibidos no cinema local antes dos filmes. Em 1923, mudaram-se para Hollywood, em Los Angeles. Em Hollywood, Walt Disney contatou com a distribuidora de filmes M. J. Wrinkler, dizendo que o seu estúdio de animação tinha diversos filmes para vender. Wrinklers não só aceita a oferta como também aceita pagar 1500 dólares por cada filme.

Depois angariar dinheiro, adquirir material, contratar pessoal e arranjar pessoal, Walt começa a fazer planos: Alice, uma série em que uma moça convivia com personagens e cenário animado. Foi durante este tempo de imenso trabalho em que Walt conheceu sua futura esposa, Lilian Bonds. Depois de Alice, veio Oswald, o coelho sortudo, um grande sucesso que levou à reavaliação dos valores dos contratos quanto aos preços dos filmes. Foi para Nova Iorque, onde foi apanhado de surpresa. O patrão para quem Walt desenhou Alice e Oswald, roubou-lhe os personagens, a equipa de desenhistas e as encomendas, porque as mesmas não foram assinadas em seu nome. Walt enviou um telegrama ao irmão dizendo que tudo estava certo e para não se preocupar, pois ele já tinha em mente uma personagem espetacular: Mickey Mouse.

Mickey Mouse

Para superar a fase difícil e contornar os prejuízos, Walt Disney criou Mickey Mouse em 1928 para competir com o sucesso do Gato Félix. O camundongo, desenhado a partir de uma série de círculos, provou ser ideal para o desenho animado e se tornaria o personagem de maior sucesso dos estúdios Disney. Nessa época, a produtora passou a ser mais bem organizada: Roy cuidava da parte financeira, Walt produzia e dirigia, e Iwerks desenhava.

Em 1927, já se havia inventado o filme sonoro. Poucos anos depois, inventou-se o filme colorido. Disney e seus assistentes utilizaram as novas técnicas com muita imaginação.

O primeiro desenho sonorizado foi “Steamboat Willie”, de 1928. No início, o próprio Walt dublava o Mickey. Surgiram, em seguida, outros personagens para contracenar com o famoso camundongo:Minnie, Pato Donald, Pateta e Pluto.

De 1929 a 1939, Disney produziu uma série de desenhos chamada “Silly Symphonies”(Sinfonias Tolas), a primeira colorida. Mickey estrelava esses filmes ao lado dos novos personagens. O desenho “Flowers and Trees”, dessa série, recebeu o primeiro Oscar para um desenho animado. Infelizmente, Pot Powers, um dos maiores sócios de Walt, manipulou o valor dos bilhetes para enriquecer. A jovem empresa Disney prosseguiu, um pouco empobrecida, mas Walt tinha uma carta na mão: o primeiro longa-metragem sonoro e em cores.

Longa-metragens

Walt Disney em uma cena do Trailer de 1937 do filme da Branca de Neve, apresentando os Sete Anões, através de modelos dos personagens.

Walt Disney pretendia fazer um longa-metragem da clássica história Branca de Neve. Houve protestos por parte da equipe, mas o filme foi feito. Após três anos de produção, desenho e músicas, o filme estreou.

Branca de Neve gerou fundos necessários para a construção de um novo estúdio e foram criados novos longas-metragens: Pinóquio, Fantasia e Bambi. Infelizmente, os tempos de lucro não duraram muito, devido à Segunda Guerra Mundial. Detalhe: O nome Mickey Mouse não seria Mickey Mouse, seria Mortimer. Mas a mulher de Disney, Lilian, insistiu e conseguiu batizá-lo assim.

A Segunda Guerra Mundial

Durante o período da Segunda Guerra Mundial, Walt Disney passou a colaborar com o FBI, a polícia federal estadunidense. Em troca de informações que o levassem a descobrir quem eram seus pais verdadeiros, o cineasta preparava relatórios que denunciavam atividades subversivas no meio artístico.

Com a entrada dos Estados Unidos na guerra, Disney foi convidado pelas Forças Armadas para produzir desenhos animados de treinamento para os soldados. Em seguida, começou a fazer filmes de propaganda militar, nos quais utilizava principalmente seus personagens mais conhecidos.

Algum tempo depois, ajudou a criar a “Aliança do Cinema para a Preservação dos Ideais Estadunidenses”, com o objetivo de combater o comunismo no meio artístico. Walt Disney prestou voluntariamente diversos depoimentos na “Comissão das Atividades Antiamericanas”.

Devido às suas atividades contra o comunismo, em 1949 o governo soviético proibiu a exibição de filmes dos estúdios Disney no país.

Cinderela e outros longa-metragens

Depois da guerra, Walt Disney viu a sua empresa arruinada, pois alguns dos seus filmes produzidos durante a guerra caíram em ruína e tiveram pouco lucro. Walt tinha uma única opção: ou fazia um filme ou vendia a empresa. Decidiu, assim, a fazer o filme Cinderela, pois tal como Cinderela, Walt Disney foi da pobreza a riqueza. O filme foi um sucesso, pois se não tivesse sido a Disney deixaria de existir. Cinderela gerou riqueza para que a empresa continuasse.

Mas Walt Disney não trabalhou apenas com desenhos animados. Seu primeiro longa-metragem com atores foi “A Ilha do Tesouro” (1950). O primeiro sobre a natureza foi “O Drama do Deserto” (1953). Em 1954, fez “20.000 Léguas Submarinas”, baseado na obra do escritor francês Júlio Verne.

Dez anos depois, produziu “Mary Poppins”, uma mistura de desenho animado com personagens humanos. O filme concorreu ao Oscar em 14 categorias, levando cinco prêmios, incluindo o de melhor atriz, para Julie Andrews, e o de melhor canção, por “Chim Chim Cher-ee”. Disney produziu também diversos filmes para televisão, sendo ele próprio o apresentador do seu programa.

Últimos anos

Disney obteve um de seus maiores êxitos em 1955 ao inaugurar a Disneylândia, um superparque de diversões situado em Anaheim, na Califórnia. O parque foi construído graças a uma parceria com a rede de televisão ABC.

Existe ainda um outro parque semelhante, chamado Walt Disney World, perto de Orlando, na Flórida, que foi inaugurado em 1971, após a morte de Disney. Quase todos os brinquedos, desfiles e espetáculos desses dois parques baseiam-se nos personagens dos filmes de Disney.

O cineasta, porém, não viveu para ver as atrações da Disneyworld, como o Epcot, o Magic Kingdom, os estúdios MGM (atual “Hollywood Studios”) e o Disney Animal Kingdom, além dos parques aquáticos. Walt Disney faleceu no dia 15 de dezembro de 1966, aos 65 anos, em Los Angeles, na Califórnia, vítima de câncer.

Com a ajuda de Lillian Bounds e das filhas Diane Marie e Sharon Mãe, seu irmão Roy continuou comandando os negócios por mais algum tempo, vindo a falecer um mês após o término da construção do “Magic Kingdom” e a correspondente inauguração do “Walt Disney World”.

Após a morte de Roy longos períodos de turbulência na administração da Companhia se seguiram, só alcançando novamente a estabilidade na década de 1980 sob a direção da dupla Eisner-Wells. Infelizmente, Wells veio a falecer num trágico acidente, fazendo com que Michael Eisner controlasse a empresa por longos anos, até que devido a vários desgastes, inclusive decorrentes de atritos com Roy E. Disney, sobrinho de Walt, Eisner entregasse em 30 de setembro de 2006 o cargo de CEO para o então presidente da Disney, Robert (Bob) Iger.

Bob iniciou um novo ciclo de expansão da companhia, cujo marco inicial é a compra dos estúdios Pixar, o que fez com que Steve Jobs, CEO da Apple e dono da Pixar se tornasse o maior acionista pessoa física da Walt Disney Company.

Em 2001, ano do centenário de nascimento de Disney, o desenho animado “Branca de Neve e os Sete Anões” foi relançado em vídeo e DVD com várias novidades, como um “making of” do desenho, um videoclipe da canção Some Day My Prince Will Come, cantada por Barbara Streisand, e um jogo. Nos Estados Unidos, particularmente na Disneyworld e em Hollywood, diversos eventos foram programados para comemorar o centenário.

Para além de estúdios cinematográficos, o vasto império criado por Walt Disney inclui diversos parques temáticos (“Disneylândia”, “Disneyland Paris”, “Disney Japan” etc.), inúmeros canais de televisão e elevados rendimentos originados na venda direta de filmes e livros, e nos direitos de utilização por outras entidades das imagens dos personagens.

Walt Disney transformou-se numa lenda, tendo criado, com a ajuda da sua equipe, todo um universo de referências no imaginário infantil de sucessivas gerações. Além disso, Walt Disney é a pessoa que mais prêmios Oscar ganhou em todos os tempos.

FONTE:  http://pt.wikipedia.org/wiki/Walt_Disney

27/06/2009 Posted by | Histórias | Deixe um comentário

É demorei mas comecei…

Acho que vou testar esse négocio de blog… Pois as vezes tenho algumas coisas que acredito que posso compartilhar com mais pessoas e não existe lugar melhor que a web para isso, bom pra quem está lendo isso deve ter encontrado navegando pela net, volte sempre e acompanhe as minhas próximas postagens!

17/06/2009 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário